Quer adotar? Conheça três pets que estão à procura de um lar na ONG Amigos do Floppy

Julia, Sukita e Bety são três fêmeas de portes e idades diferentes, mas que têm em comum a procura de um tutor que possa dar a elas o afeto que merecem. As cadelas estão disponíveis para adoção na ONG Amigos do Floppy, coordenada por Denise Costa, parceira da Clínica Veterinária Espaço Animal. Confira mais informações sobre elas nos cards abaixo:

Tem interesse? Confira abaixo os critérios para adoção:

  • Ter mais de 18 anos;
  • Ter casa própria;
  • Morar em um pátio bem fechado ou telado em caso de apartamento;
  • Ter condições de dar uma vida digna e muito amor até que morte separe o tutor do bicho.

Ao adotar, cada tutor assina um termo se comprometendo a cumprir os itens acima. A ONG Amigos do Floppy fica em Sapucaia do Sul. Não divulgamos o endereço para evitar abandonos próximos ao local. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (51) 991415116 (WhatsApp).

Cuidados com os pets: dicas para viagens e comemorações de final de ano

O final de ano é o período mais festivo para os humanos. Natal e Ano Novo são sinônimos de confraternização, celebração e expectativa para o novo ano que se avizinha. No entanto, o mesmo não se pode dizer para os pets. Em geral, este é o momento mais estressante para a maioria dos cães e gatos. Por isso, neste texto, nós separamos algumas dicas para que eles passem por estas datas da maneira mais tranquila possível.


Para além das festividades de dezembro, é comum que muitos tutores tirem férias neste momento. E uma das dúvidas mais recorrentes desta época é o que fazer com o pet durante o período de viagens. Segundo os especialistas, o ideal é que os animais sejam levados juntos, desde que seja para um local que ofereça estrutura necessária ou que ele se adapte rápido a novos ambientes. Porém, para que o passeio ocorra sem maiores problemas, é importante se atentar a alguns detalhes:

  • Se a viagem for feita de carro, os cachorros precisam usar cinto de segurança. Ainda, se for uma raça de grande porte, é possível que sejam carregados no porta-malas, desde que exista uma rede de proteção. Já os gatos, por sua vez, precisam estar em uma caixa apropriada;
  • Certifique-se de disponibilizar bastante água durante o trajeto. Em geral, os cachorros sofrem mais com o calor;
  • Além de água, também tenha certeza de que há ração suficiente para os bichinhos;
  • Faça paradas a cada duas ou três horas para verificar se está tudo bem;
  • Certifique-se de que a carteira de vacinação está atualizada e de levar os remédios periódicos (se houverem) e aqueles para emergências;
  • Por fim, confira onde está localizada a clínica veterinária mais próxima da sua hospedagem antes mesmo de embarcar.

Cuidados com a queima dos fogos de artifício

Outro ponto extremamente delicado para os pets são os fogos de artifício. O barulho dos estouros pode ser extremamente prejudicial para eles, provocando, em alguns casos, tremores, taquicardia, choros e latidos. Ainda, em casos extremos, convulsões, paradas cardiorrespiratórias e morte.

Para deixar o momento o menos traumático possível, algumas medidas podem ser tomadas. Por exemplo, deixe-os em uma sala fechada e isolada, que seja silenciosa. Evite janelas abertas porque, em muitos casos, os pets conseguem fugir dos ambientes devido ao estresse envolvido.

Alguns veterinários sugerem que se use algodão nos ouvidos para abafar ainda mais os sons. Neste caso, entretanto, é importante que o tutor tenha certeza de que o animal irá lidar bem com os tampões. Se não, não se deve utilizar o recurso.

Viagem sem os pets

Infelizmente, porém, nem sempre é possível levar os bichinhos nas viagens. Para não deixá-los sozinhos, converse com algum amigo que possa cuidar do seu pet neste período. É importante que seja uma pessoa de quem o animal goste e com quem este já esteja acostumado. Deixe brinquedos que possam distraí-lo e peças de roupa, por exemplo, que tenham seu cheiro para que eles não se sintam tão solitários.

Para finalizar, também há a possibilidade de deixá-lo hospedado em algum lugar especializado, que possa oferecer atenção integral ao pet. Na Clínica Espaço Animal, nós oferecemos este serviço. Para saber mais, clique aqui.

Nosso espaço dispõe de todos os cuidados para você viajar despreocupado